892d269f a1f7 4dde b83a 1e28282127ae - Setor produtivo paranaense discute Nova Ferroeste

Setor produtivo paranaense discute Nova Ferroeste

Na semana passada, a Secretaria do Planejamento e Coordenação Geral do estado do Paraná realizou uma reunião com o setor produtivo da região para discutir sobre a implantação da Nova Ferroeste, ferrovia avaliada em R$ 10 bilhões que ligará Dourados até o Porto de Paranaguá.

A reunião foi para acompanhar os estudos de engenharia para implantação da nova ferrovia, que marcou os 60 dias desde a divulgação dos nomes dos quatro consórcios nacionais e internacionais, responsáveis pela elaboração dos projetos.

“O objetivo do encontro é aproximar o setor produtivo dos consórcios, para que sejam fornecidos subsídios para os estudos”, informou o secretário do Planejamento e Coordenação Geral, Juraci Barbosa Sobrinho.

O G7, como é chamado o setor produtivo paranaense, é formado pelas federações das Indústrias (Fiep), da Agricultura (Faep), Comércio (Fecomércio), Transporte de Cargas (Fetranspar), das Associações Comerciais e Empresariais (Faciap), pela Federação e Organização das Cooperativas do Paraná (Fecoopar), Associação Comercial do Paraná (ACP).

Os estudos apontam que a nova ferrovia vai desafogar o gargalo logístico da região, aumentando a participação ferroviária em Paranaguá para o escoamento de grãos e diminuindo a dependência do modal rodoviário.

A obra está dividida em dois trechos. O primeiro tem 400 quilômetros e liga o Litoral do Paraná a Guarapuava. O segundo, com aproximadamente 600 quilômetros, vai de Guarapuava até Dourados (MS), passando por Guaíra, e conta com a implantação de 350 quilômetros de linha nova, além da reabilitação do trecho já existente entre Guarapuava e Cascavel.

Dada a situação de greve promovida pelos caminhoneiros, os setores produtivos visam intensificar o investimento na malha ferroviária, que além de agredir menos o meio ambiente, alivia o tráfego nas rodovias, consome menos diesel e transporta muito mais carga por composição.

Deixe um comentário

avatar

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Subscribe  
Notify of