Edital da Linha 15 – Prata deve ser publicado na próxima semana

O governador do estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, e o secretário dos Transportes Metropolitanos, Clodoaldo Pelissioni, assinaram hoje autorização para a publicação do edital de concessão do monotrilho da Linha 15-Prata.

Pelo período de 20 anos, o governo concederá para a iniciativa privada o direito de operar e manter o sistema, em um contrato avaliado em R$ 4,5 bilhões. Os documentos estarão disponíveis no dia 23 pelo portal da STM (www.stm.sp.gov.br). O leilão está agendado para 26 de junho, na B3 (antiga BM&FBovespa), no centro da cidade, com lance mínimo de R$ 153 milhões.

A Linha 15 já está em funcionamento, entre a Vila Prudente e Oratório, como uma extensão da Linha 2-Verde, em 2,9 km de extensão. Segundo nota do governo, agora as obras estão concentradas no segundo trecho, de Oratório a São Mateus.

Serão mais 15 quilômetros de vias elevadas, 27 novos trens, fornecidos pela canadense Bombardier, e nove estações. As estações São Lucas, Camilo Haddad, Vila Tolstói, Vila União, Jardim Planalto devem ser abertas em abril. Sapopemba, Fazenda da Juta e São Mateus estão programadas para serem inauguradas até o fim de maio. A última estação será a Jardim Colonial, prevista para março de 2021.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of